Com nove votos contra e seis a favor, o Projeto de Lei nº 005/22, que dispõe sobre a reestruturação administrativa da Câmara Municipal de Juruti, não foi aprovado. O Projeto de Lei objetivava definir uma nova estrutura organizacional e administrativa da Câmara para melhor atender as necessidades do Poder Legislativo e as obrigações constantes do Termo de Ajustamento de Conduta firmados entre a Câmara de Juruti e o Ministério Público Estadual para a realização do concurso público.

Vereadores que votaram a favor do projeto, Francinei Andrade (PT), Joel Vitor (AVANTE), Eraldo Albuquerque (PT), Elias Morais (PT), Mário Itiyá (PSC) e Rogério Costa (PT). Votaram contra os vereadores (as): Andréa Alves (PSD), Dalila Veiga (UB), Edjânio Printes (MDB), Elivan Rocha (MDB), Glauber Andrade (PSD), José Antônio Bentes (UB), Joseilson Xavier (PSOL), Luiz Braga (MDB) e Valcinete Garcia (PSDB).

Compartilhar:

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade